Connect with us

Atualidade

Rosa M. Vasconcelos preside Rede Portuguesa de Provedores do Estudante

Entidade junta representantes 45 universidades e politécnicos públicos e privados e visa a defesa dos direitos e interesses dos alunos

Publicado

on

A Provedora do Estudante da Universidade do Minho (UMinho), Rosa M. Vasconcelos, é a nova presidente da Rede Portuguesa de Provedores do Estudante do Ensino Superior (RPE), que agrega os representantes de 45 universidades e institutos politécnicos nacionais. A tomada de posse decorreu ontem de manhã, durante o XI Encontro Nacional de Provedores do Estudante, realizado na Universidade da Madeira, no Funchal.

Rosa M. Vasconcelos substitui no cargo a homóloga do Politécnico do Porto, Berta Batista. No seu mandato até 2024, pretende que a RPE contribua para uma reflexão participada e uma ação conjunta das provedorias na defesa dos direitos e interesses dos estudantes, além de estimular estes à participação ativa e a receber um serviço de qualidade.

Aliás, o encontro no Funchal focou a equidade no acesso e frequência do ensino superior por todos, nomeadamente estudantes em situação vulnerável, com necessidades especiais, deslocados ou a retomar a sua formação. No novo mandato, prevê-se, ainda, a realização de encontros, estudos, recomendações e parcerias, entre outros projetos.

A RPE nasceu em 2020 e visa ser um fórum permanente de transferência de conhecimentos e experiências na área, partilhando também os princípios da Carta Universal dos Direitos Humanos e do estado de direito. A figura do Provedor do Estudante surgiu no país com o Regime Jurídico das Instituições de Ensino Superior, em 2007. A nível internacional, existe por exemplo a Rede Europeia de Provedores do Ensino Superior (ENOHE) e a Rede IberoAmericana de Provedores Universitários (RIdDU).

Rosa M. Vasconcelos é professora associada do Departamento de Engenharia Têxtil da Escola de Engenharia da UMinho e vice-presidente da organização mundial IEEE Education Society. Fez a licenciatura em Engenharia Têxtil e o doutoramento em Tecnologia e Química Têxtil pela UMinho. Nesta instituição, presidiu, igualmente, o Conselho de Cursos de Engenharia, o Conselho Pedagógico da Escola de Engenharia e é, desde 2019, Provedora do Estudante.

Foto: UM.

Atualidade

Quer participar no Concurso Barcelos Florido? As inscrições terminam no próximo domingo

Publicado

on

Estão a decorrer, até domingo (14 de abril), as inscrições para o Concurso Barcelos Florido, promovido pela Câmara Municipal de Barcelos. Este evento, que decorre entre os dias 15 de abril e 15 de julho, visa não só embelezar as nossas ruas e praças, mas também enriquecer a experiência turística da nossa cidade e das suas freguesias vizinhas de Barcelinhos e Arcozelo.

As inscrições podem ser entregues no Posto de Turismo de Barcelos, através do correio eletrónico turismo@cm-barcelos.pt, ou pelo número de telefone 253 811 882. Podem concorrer todos os residentes e proprietários de estabelecimentos comerciais, quer sejam individuais ou coletivos, para participarem nesta iniciativa.

Este concurso tem como principal objetivo não apenas embelezar, mas também fortalecer o tecido urbano, promovendo o envolvimento da comunidade e impulsionando a atratividade turística da nossa cidade. A participação ativa dos cidadãos é essencial para o sucesso desta iniciativa, e é com grande expectativa que aguardamos contribuições.

Os vencedores poderão receber desde 500€ para o 1º prémio individual, até 50€ para o 20º prémio. Enquanto na categoria coletiva, a melhor rua e o melhor largo/campo serão agraciados com 350€ cada.

O júri dedicará a sua atenção aos detalhes, valorizando a harmonia, a originalidade e a qualidade estética das composições apresentadas. Critérios como a variedade das flores apresentadas, a harmonização com a arquitetura urbana, a conservação das plantas e a inovação serão cuidadosamente considerados.

É importante ressalvar que, para efeitos de avaliação, serão excluídas as plantas exóticas e de interior, bem como as flores artificiais. Montras e entradas comerciais não serão consideradas para o concurso, restringindo-se a avaliação exclusivamente a varandas, sacadas e janelas.

Convidam-se todos os interessados a se juntarem a esta iniciativa que, ao enaltecer a beleza e a identidade da nossa cidade através das maravilhosas formas e cores da natureza, é uma celebração do florescimento primaveril.

Prémios:

1 – No concurso individual:

1.º Prémio – 500,00€; 2.º Prémio – 400,00€; 3.º Prémio – 300,00€; 4.º Prémio – 250,00€; 5.º Prémio – 200,00€; 6.ºPrémio – 175,00€; 7.º Prémio – 150,00€; 8.º Prémio – 125,00€; 9.º Prémio – 100,00€; 10.º Prémio – 100,00€; 11.º Prémio – 100,00€; 12.º Prémio – 100,00€; 13.º Prémio – 75,00€; 14.º Prémio – 75,00€; 15.º Prémio – 75,00€; 16.º Prémio – 75,00€; 17.º Prémio – 50,00€; 18.º Prémio – 50,00€; 19.º Prémio – 50,00€; 20.º Prémio – 50,00€.

2 – No concurso coletivo:

a) Melhor rua – 350,00€;

b) Melhor largo/campo – 350,00€.

Festival Contrasta 2024 com Cartaz Fechado.

Imagem: CMB.

Continuar a ler

Atualidade

Festival Contrasta está de volta a Valença nos dias 12 e 13 de julho

Manu Chao, Richie Campbell, Manel Cruz, Yang, DJ Carolina Torres e DJ Alex Moon

Publicado

on

Aqui está o cartaz completo da terceira edição do Festival Contrasta:

MANU CHAO | Músico carismático, conhecido pela sua diversidade musical, mistura influências de rock alternativo, reggae e punk rock.

RICHIE CAMPBELL | Reconhecido como o primeiro fenómeno musical da internet em Portugal a ter sucesso a uma escala nacional e internacional, líder da nova geração de artistas portugueses.

MANEL CRUZ | Ornatos Violeta, Foge Foge Bandido, Pluto e Supernada são projetos que marcaram as últimas décadas da música portuguesa e que têm em comum o toque de midas de Manel Cruz. Este ano, após um hiato criativo, o músico está de regresso aos palcos para apresentar novas canções e recuperar temas da sua discografia, agora revisitados a solo e num formato intimista.

YANG | Com dois discos no currículo, Yang tem vindo a construir um percurso notável, embora discreto, no cada vez mais amplo mapa nacional das rimas e batidas. YANG é o protótipo de um artista nascido numa era em que cada vez mais se esbatem as fronteiras entre géneros musicais e o que importa é a melhor mescla que cada um consegue fazer.

DJ CAROLINA TORRES | Quer seja em frente às câmaras, quer seja em cima do palco, Carolina Torres é um nome incontornável do entretenimento da última década. Dos muitos epítetos e funções com que poderíamos tentar descrevê-la – cantora, atriz, DJ, apresentadora, produtora – nada resume melhor a Carolina do que as 3 palavras seguintes: talento, graça, criatividade.

DJ ALEX MOON | Leva ao público propostas preenchidas de ritmos que nos fazem viajar por sonoridades muito próprias. Do Mali ao Congo, com paragens em Cabo Verde e imersões no deserto do Saara, esta viagem sonora não deixa ninguém parado!

Os bilhetes para o Festival Contrasta são limitados e estão disponíveis em bol.pt e nos locais habituais (Fnac, CTT, El Corte Inglés, Posto de Turismo e Biblioteca Municipal de Valença).

Imagem: CMV.

Continuar a ler

Atualidade

Faculdade de Economia do Porto em destaque no ranking internacional que distingue os melhores mestrados

11 programas da FEP foram reconhecidos pela Eduniversal, tendo o mestrado em Gestão e Economia de Serviços de Saúde sido classificado como o melhor em Portugal

Publicado

on

A Faculdade de Economia da Universidade do Porto (FEP) consolidou a sua posição de excelência no cenário académico internacional ao ser reconhecida em 11 programas de mestrado pelo prestigiado Ranking Best Masters & MBAs 2024 da Eduniversal. Este ranking, conhecido pela sua abrangência e prestígio no meio académico, avalia os melhores Mestrados e MBA’s a nível global.

Destaca-se a presença da FEP em diversas áreas, com melhoria significativa nas posições, comparativamente ao ano anterior. Esta conquista é especialmente marcada pela estreia do Mestrado em Gestão, que entrou diretamente para o 8º lugar na categoria de “General Management”.

No Top 10, há ainda a destacar o Mestrado em Gestão Comercial e o Mestrado em Data Analytics, que conquistaram o 7º e o 9º lugar, respetivamente.

A FEP também se destaca com vários programas posicionados no Top 20 e Top 40, incluindo os mestrados em Gestão e Economia de Serviços de Saúde (15º em termos mundiais) – considerado o melhor mestrado nesta área em Portugal – Finanças (18º), Marketing (19º), Economia (19º), Economia e Gestão do Ambiente (19º), Contabilidade e Controlo de Gestão (21º), Economia e Gestão Internacional (28º) e Economia e Gestão da Inovação (36º).

“A FEP orgulha-se do reconhecimento internacional dos seus programas de mestrado e reafirma o seu compromisso contínuo com a excelência académica e a preparação dos seus estudantes para os desafios do mercado global”, destaca o Diretor da FEP, Óscar Afonso.

Sobre o ranking

O Eduniversal Ranking Best Masters & MBAs 2024 abrange 5.820 cursos em 56 áreas científicas, analisando mais de 20.000 programas em 9 zonas geográficas (África, Ásia Central, Europa Oriental, Eurásia e Médio Oriente, Extremo Oriente, América Latina, América do Norte, Oceânia e Europa Ocidental).

Este processo envolve a colaboração de representantes das principais instituições de ensino, recrutadores internacionais e recém-diplomados, que consideram critérios como a reputação dos programas, o salário do primeiro emprego após a formação e o nível de satisfação dos estudantes.

Estas avaliações são ferramentas valiosas para os estudantes, uma vez que fornecem informações confiáveis e detalhadas sobre os Mestrados e MBAs mais conceituados. Ajudam-nos a tomar decisões informadas sobre a sua educação e carreira, enquanto reconhecem e destacam a excelência académica das instituições de ensino superior de todo o mundo.

Os resultados globais do Eduniversal Best Masters & MBAs Ranking 2024 estão disponíveis em www.best-masters.com

Foto: UP.

Continuar a ler

Mais lidas