Connect with us

Atualidade

Católica do Porto participa em projeto europeu de cinco milhões de euros na área dos cuidados paliativos

Financiamento inédito na área dos cuidados paliativos a nível europeu

Publicado

on

Chama-se PAL-CYCLES – PALliative Care Yields Cancer welLbEing Support e, em Portugal, é coordenado pela investigadora da Católica Porto Business School, Sandra Martins Pereira. Com um financiamento de 5.5 milhões de euros, por parte da Comissão Europeia, este projeto pretende suavizar a transição entre o hospital e o domicílio para doentes com cancro, bem como melhorar a sua qualidade de vida. Um valor inédito num projeto europeu na área dos cuidados paliativos tanto em Portugal, como a nível europeu.

Muitos doentes com cancro incurável, e na última fase das suas vidas, deixam o hospital com muito pouca informação e com uma grande incerteza sobre como aceder e receber cuidados paliativos de excelência. Consequentemente, esta situação pode levar a uma redução da qualidade de vida, hospitalizações desnecessárias, sobrecarga dos familiares e sofrimento insuportável, que de outra forma poderiam ter sido prevenidos. É precisamente para fazer face a esta realidade que o projeto está a ser desenvolvido para, mais tarde, poder ser aplicado em contexto real.

“Estamos a investigar se uma transição ótima de cuidados pode ser facilitada desde os cuidados hospitalares aos cuidados comunitários, de modo a que os doentes possam permanecer no domicílio durante mais tempo, recebendo cuidados paliativos de elevada qualidade, resultando numa melhor qualidade de vida para doentes com cancro em fase avançada e no fim de vida e seus familiares, promovendo uma comunicação compassiva sobre temas eticamente sensíveis, diminuindo hospitalizações desnecessárias e minimizando o sofrimento”, explica Sandra Martins Pereira, investigadora do Centro de Estudos em Gestão e Economia (CEGE) da Católica Porto Business School e coordenadora em Portugal do projeto em questão.

A nível de números, o projeto vai receber 5.5 milhões de euros ao longo dos próximos 5 anos, com mais de meio milhão de euros atribuídos à Universidade Católica Portuguesa. A nível prático, as bases do programa de transição de cuidados paliativos ‘PAL-CYCLES’ foram desenvolvidas num estudo previamente realizado nos Países Baixos, que será agora mais desenvolvido e ajustado à realidade de outros países europeus, incluindo Portugal. A equipa portuguesa implementará, assim, uma série de estudos e avaliará os desafios éticos, socioculturais e políticos inerentes à transição de cuidados paliativos e implementação do programa.

No caso português, este trabalho será desenvolvido pela Universidade Católica Portuguesa, mais concretamente através do CEGE, da Católica Porto Business School, que participará em todas as atividades do projeto, assumindo uma posição de liderança e de coordenação de um work package sobre “Ethical, sociocultural and Policy Analysis” (Análise Ética, Sociocultural e Política). Os próximos passos passarão por participar ativamente no desenho e implementação de todas as atividades de investigação e formação, em articulação com os parceiros clínicos em Portugal.

Sobre o objetivo maior do projeto, Sandra Martins Pereira, perita em investigação em ética em cuidados paliativos e em fim de vida na Universidade Católica Portuguesa, salienta que o desafio com o ‘PAL-CYCLES’ é facilitar uma comunicação centrada na pessoa doente e a continuidade e integração de cuidados paliativos no contexto comunitário, bem como melhorar a prestação de cuidados de saúde de elevada qualidade às pessoas com doença oncológica em fase avançada e em fim de vida, que necessitam cuidados paliativos, dentro e através de países europeus com uma grande variedade de sistemas de saúde e diferentes modelos de financiamento, organização e prestação de serviços de saúde”.

Outro ponto que faz deste projeto algo inédito é a sua dimensão internacional, interdisciplinar e intersectorial, uma vez que inclui parceiros de nove países europeus, nomeadamente, Bélgica, Inglaterra, Alemanha, Hungria, Polónia, Portugal, Roménia, Espanha e Países Baixos, aportando o know-how e os contextos diferenciados que lhe conferem esta tridimensionalidade. Outro ponto de destaque é o facto de que será implementado através de diferentes países europeus que têm uma grande variedade de sistemas de saúde e distintos modelos de financiamento, organização e prestação de serviços de saúde. Em Portugal, do ponto de vista clínico, o projeto será implementado em contextos de prestação de cuidados oncológicos do sistema público, incluindo a Região Autónoma dos Açores.

A nível metodológico, vale ainda referir que todos os doentes, familiares e profissionais envolvidos nos estudos clínicos terão acesso à intervenção do programa PAL-CYCLES, o que, além de ser mais uma vez algo inédito, ajudará a diminuir iniquidades no acesso a cuidados e programas de elevada qualidade. 

Foto: DR.

Atualidade

31ª Semana Cultural de Santa Marta de Penaguião chega ao fim

Balanço extremamente positivo para o Município

Publicado

on

A festividade por excelência de Santa Marta de Penaguião terminou no dia 2 de agosto, terça-feira, com um balanço extremamente positivo para a organização.

Cinco dias de comemoração que ficaram marcados pelo lançamento da nova marca do Município: Santa Marta de Penaguião – Berço D’Ouro, simbolizado numa Pena.

Segundo o executivo municipal, “todos nós somos Douro e de Ouro somos todos nós”. Como tal, ao longo dos dias da celebração, personalidades D(e)Ouro foram distinguidas. No Miradouro D’Ouro Vivo foi feito o reconhecimento a todos os penaguienses que trabalharam na Casa do Douro.

Para além destes penaguienses, foi igualmente feita uma homenagem aos trabalhadores da vinha, os que trabalharam e trabalham na vinha durante todo o ano, delineando a paisagem do seu Douro que tanto os caracteriza. “Trabalho que não é reconhecido, mas que deve ser considerado como uma honra e orgulho”, sublinha o Município.

“O empenho do executivo municipal penaguiense em defender e promover o Douro, bem como em dignificar o trabalho da vinha” foi reforçado com o desafio lançado a todos os “bons” homens e mulheres do Douro, presidentes de Câmara da CIMDOURO e demais entidades presentes nas comemorações do feriado municipal, para assinarem uma carta de compromisso que será enviada para onde possa provocar reação.

Ainda no âmbito das homenagens e reconhecimentos, a 31ª edição da Semana Cultural fica, também, marcada pela atribuição dos primeiros Prémios Solidarius a 6 alunos do agrupamento de escolas que se destacaram, no presente ano letivo, pelo seu trabalho em prol da entreajuda e solidariedade para com os colegas. O associativismo concelhio também esteve em destaque no último dia, com o reconhecimento feito a penaguienses que marcaram a Cultura de Santa Marta de Penaguião, a agora denominada Cultura D’Ouro.

Para além do lançamento da nova marca, a Semana Cultural contou com o tradicional cortejo etnográfico, o espetáculo piromusical, a noite de cantares e de folclore, o desporto, a gastronomia, a demonstração de artes e ofícios, entre muitos outros momentos dignos de visita.

Uma edição que mereceu os mais alargados elogios de quem por lá mora e/ou passou.

Foto: CMSMP.

Continuar a ler

Atualidade

Anadia assinala Dia Internacional da Juventude

Publicado

on

À semelhança do que tem acontecido em anos anteriores, o Município de Anadia vai celebrar, no próximo dia 12 de agosto, o Dia Internacional da Juventude, oferecendo diversas atividades culturais e desportivas às crianças e aos jovens portadores do Cartão Anadia Jovem.

Neste dia, o Município de Anadia dará a oportunidade às crianças e jovens de usufruírem, sem custos, de serviços disponibilizados em equipamentos de cultura e de desporto da autarquia. A comemoração da efeméride será, também, aproveitada para dar a conhecer o programa da Semana da Juventude que vai decorrer entre 19 e 24 de setembro.

Nas Piscinas Municipais, os portadores do Cartão Anadia Jovem terão entrada gratuita. O Cineteatro Anadia exibirá, pelas 21h00, o filme “Que mal fizemos todos a Deus”, com entrada livre para crianças e jovens até aos 30 anos, residentes no concelho. O Museu do Vinho Bairrada terá também entrada gratuita para jovens até aos 30 anos, residentes no concelho.

O Dia Internacional da Juventude é assinalado a 12 de agosto nos termos da resolução, tomada em 1999, pela Assembleia Geral da ONU, na sequência da recomendação emanada da Conferência Mundial de Ministros Responsáveis pela Juventude, realizada em Lisboa, entre 8 e 12 de agosto de 1998.

Imagem: CMA.

Continuar a ler

Atualidade

Empresa de Felgueiras adota medidas para fazer face à crise energética

“Nós estamos a poupar energia. Você também pode!”, salienta a Login Alpha

Publicado

on

Enquanto cresce o receio de uma crise energética na Europa e o governo português está preparar um plano com medidas para poupança de energia que deverá ser conhecido no final do mês, a Login Alpha, uma pequena empresa de Felgueiras que presta serviços na área da comunicação e marketing digital, decidiu implementar já algumas medidas.

A Login começou por cortar na iluminação e no ar condicionado: metade das luzes do seu escritório estão desligadas e o ar condicionado está, agora, regulado em 27 graus. Os computadores desligam-se na hora de almoço e não se deve deixar equipamentos, como impressoras ou máquina de café, em stand by quando não estão a ser utilizados. O mesmo acontece com os carregadores dos smartphones e tablets, que devem ser removidos das tomadas elétricas quando não estão a carregar os dispositivos. Sempre que possível, as deslocações são evitadas, sendo substituídas por chamadas telefónicas ou videochamadas. “E estamos todos de bom humor!”, diz a empresa.

“São pequenos gestos que é importante todos fazermos no nosso dia a dia, mais agora com a crise energética que se avizinha”, disse Pedro Fonseca, gerente da Login Alpha. “Sempre tivemos uma forte consciência ambiental na empresa, desde a escolha dos estores do nosso escritório, à iluminação ou à impressora energeticamente eficiente. Enquanto aguardamos as diretrizes do Governo para fazer face à crise energética, adotamos já este conjunto de medidas que, até ao momento, não nos têm causado constrangimentos no nosso trabalho do dia a dia”, sublinhou.

“Uma Agência de Marketing Digital que compreende a Indústria da Moda”, é assim que a Login se define. A empresa, que nasceu em 2018, trabalha principalmente com marcas de moda, calçado, têxteis e vestuário, e presta serviços na área do marketing e comunicação: gestão de redes sociais, publicidade digital, webdesign, branding, assessoria de comunicação. A agência foi criada para responder às necessidades das marcas e fabricantes da Indústria da Moda em busca de soluções de valor acrescentado no mundo online.

Foto: LA.

Continuar a ler

Mais lidas