Connect with us

Atualidade

Barcelos recebe RallySpirit Altice 2022

Gloriosas máquinas dos ralis estão de regresso

Publicado

on

Com partida e chegada à cidade de Barcelos, realiza-se, no decorrer do próximo fim de semana, sexta, sábado e domingo, a sétima edição do RallySpirit Altice. Segundo a organização, esta prova leva para a estrada “máquinas de outros tempos, como os fantásticos Audi Sport Quattro, Lancia Stratos, Toyota Celica Twin Cam Turbo ou Toyota Corolla WRC, entre tantos outros”, que se juntam “num dos maiores Rally-Legends europeus, que há muito se transformou, também, num dos mais apreciados espetáculos de desportos motorizados, em Portugal”.

A edição deste ano conta com três espetaculares novas classificativas – Barcelos Norte, Vila Verde e Amares -, que, pela sua exigência técnica, prometem seletividade entre as equipas mais rápidas. Das edições anteriores, mantêm-se as classificativas Barcelos Oeste (ex-Laúndos), Barcelos Sul (ex-Barcelos) e Santo Tirso (ex-Assunção), num esquema competitivo diversificado e que agradará tanto a equipas como ao público.

Classificativa Barcelos Sul (Imagem: DR)

Carros de ralis de todas as gerações

Prova incontornável no panorama dos principais Rally-Legends europeus e inserido no calendário do Slowly Sideways Europe (juntamente com o Eiffel Rally Festival, o Alsace Rallye Festival e o Rallye Festival Spa-Francorchamps), o RallySpirit Altice volta a reunir, este ano, alguns dos mais fantásticos e emblemáticos carros de ralis de todas as gerações, em ambiente de descontração e festa, mas onde o capítulo desportivo não é relegado para segundo plano.

Esta sétima edição da prova (a primeira teve lugar já em 2015) volta a revelar-se uma oportunidade única para milhares de entusiastas “viajarem no tempo” e observarem, em ação, modelos icónicos que marcaram a história da disciplina desde os anos 70 até aos dias de hoje, num saudável conflito de gerações.

Entre as máquinas que prometem arrancar mais admiração, destaque para modelos originais, como o Opel Ascona 400 (ex-Walter Röhrl), o Toyota Celica Twin Cam (ex-TTE, Lars Erik Torph), o Toyota Corolla WRC (ex-Didier Auriol e ex-Pedro Matos Chaves), o Subaru Impreza 555 (ex-Colin McRae), ou o Lancia Delta Integrale (ex-Juha Kankkunen). Mas outros, como dois Audi Sport Quattro E2 (expoente máximo da reconhecida geração de ouro dos ralis da década de 80), dois Lancia Stratos (verdadeiro ex-libris dos ralis dos anos 70) ou ainda modelos como o Alpine-Renault A110, Porsche 911, Nissan 240 RS, Talbot Sunbeam Lotus, Ford Escort RS ou BMW M3, também prometem animar a edição deste ano da prova.

Classificativa Barcelos Norte (Imagem: DR)

Condicionamento de trânsito

A realização do RallySpirit vai obrigar a um conjunto de condicionamentos de trânsito, tanto no perímetro urbano da Cidade de Barcelos, como em algumas freguesias do concelho. A organização solicita aos automobilistas que sigam as indicações dos comissários da organização e das forças de segurança – PSP e GNR.

Assim, a partir das 17 horas da próxima quinta-feira e até domingo às 13 horas, o Campo da República (Campo da Feira) está integralmente dedicado a receber a acolher a logística e os veículos participantes na prova.

Na sexta-feira, a partir das 18h00 até à meia noite, para a realização da classificativa “Boucles de Barcelos”, o trânsito vai estar cortado na Rua da Olivença, entre a Rotunda da Estação e a Rotunda das Calçadas.

Ainda na sexta-feira, também das 18h00 à meia noite, o trânsito vai estar cortado na Variante entre a Rotunda da Central da Camionagem e a Rotunda do Galo. 

Classificativa Barcelos Oeste (Imagem: DR)

Fora da Zona Urbana Citadina, vão desenrolar-se 4 classificativas:

Dia 3 – Sexta-feira à tarde – Barcelos Norte (Alvito S. Pedro, Panque, Cossourado e Ardigão, no concelho de Ponte de Lima);

Dia 4 – Sábado, ao longo do dia – Barcelos Oeste 1 (Paradela, S. Pedro de Rates, Courel e Macieira de Rates) e Barcelos Sul 1 (Chorente, Carvalhas, Góios, Remelhe e Rio Covo St.ª Eulália).

A maior edição de sempre

À qualidade das participantes, junta-se também a quantidade, já que à partida da prova tutelada pela X-Racing e organizada, no terreno, pelo Clube Automóvel de Santo Tirso, estarão mais de 100 equipas, entre elas, 30 estrangeiras. Um acréscimo de participantes que terá correspondência no aumento da estrutura da prova. Com efeito, em 2022, o RallySpirit Altice conta com 112,62 km de provas especiais (ficando alinhado com as restantes provas do Slowly Sideways Europe), divididas em 10 classificativas disputadas ao cronómetro e duas “Boucles” (em Barcelos e Gaia), que privilegiarão o espetáculo em detrimento do fator competitivo, com várias equipas em perseguição no mesmo troço.

O RallySpirit Altice 2022 disputar-se-á, assim, ao longo de três dias, apresentando a inclusão de três espetaculares novas classificativas – Barcelos Norte, Vila Verde e Amares -, que, pela sua exigência técnica, prometem seletividade entre as equipas mais rápidas. Das edições anteriores, mantêm-se as classificativas Barcelos Oeste (ex-Laúndos), Barcelos Sul (ex-Barcelos) e Santo Tirso (ex-Assunção), num esquema competitivo diversificado e que agradará tanto a equipas como ao público.

Fora dos troços, os muitos espectadores que são esperados também poderão viver as emoções do evento no centro de Barcelos (Campo da Feira), na marginal de Vila Nova de Gaia, no Jardim das Sobreiras – Foz, no Porto, bem como no centro de Famalicão, Santo Tirso e Amares.

Classificativa Boucles de Barcelos (Imagem: DR)

Pedro Ortigão, responsável da X Racing, a entidade promotora do evento, sublinha que “estamos muito motivados por colocar na estrada mais uma edição do RallySpirit Altice. Trata-se de uma edição renovada que, além de consolidar o apoio das habituais câmaras municipais, confirma a entrada de quatro novas, que atestam a validade do projeto. Este ano, a prova será mais longa, de forma a ir ao encontro dos restantes Rally-Legends do Slowly Sideways Europe e com o objetivo de reforçar o seu estatuto também no panorama internacional. Por isso, estamos orgulhosos do caminho que temos vindo a traçar e muito confiantes no futuro. Mas quero deixar um agradecimento especial aos participantes, público e patrocinadores, pois sem eles esta grande festa dos ralis seria impossível de realizar.”

Imagens: DR.

Continuar a ler
Clique para Comentar

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Atualidade

Barcelos: Petiscos de “comer e chorar por mais”

Fim de Semana dos Petiscos, de 19 a 21 de julho

Publicado

on

Está de volta a iniciativa “Fim de Semana dos Petiscos”. Este ano, a iniciativa promovida pelo Município e operacionalizada pelos Serviços de Turismo, decorre de 19 a 21 de julho e conta com a adesão de 21 restaurantes e tascas do concelho de Barcelos.

São petiscos de comer e chorar por mais, num fim de semana de experiências gastronómicas tradicionais irresistíveis. Para abrir o apetite, conheça as iguarias de que pode degustar: rojões, pataniscas, bifanas, polvo, taquinhos de bacalhau, chispes, codornizes, moelas, orelheira com molho verde, asinhas de frango, iscas de fígado com cebolada, pica-pau, ovos rotos, sardinha na brasa, bacalhau albardado, entre outros deliciosos petiscos que fundem tradição com inovação.

Restaurantes aderentes:

Adega Costa (Várzea); A Petisqueira Vilaça (Barcelos); Café Dias (Tamel S. Veríssimo); Café Paulista (Barcelos); Café Restaurante Luar (Gilmonde); Casa das Bifanas (Barcelos); Casa Sêmea (Arcozelo); Cozinha Regional de Barcelos (Várzea); Faty-Ferros (Arcozelo); Galo Wine & Tapas (Barcelinhos); Historial Caffé (Barcelos); Lounge Bar Xano (Barcelos); Restaurante Pérola (Barcelos); O Ás Restaurante (Barcelos); Taberna do Armindo (Remelhe); Tasca Sem Riscos (Rio Covo Santa Eulália); Tasquinha O Telheiro (Viatodos); Terraço dos Petiscos (Vila Boa); Tino Socorro (Alvelos); Três Marias (Barcelos), e Vera Cruz (Barcelos).

A par do Fim de Semana dos Petiscos, há um programa de animação que contempla o Trilho das Fontes, no sábado, dia 20 de julho, das 8h30 às 13h00. E entre as 14h e as 18h tem lugar a Prova Cega de Vinhos de Barcelos, no Solar de Vila Meã, em Silveiros.

As inscrições são obrigatórias e limitadas e podem ser efetuadas para turismo@cm-barcelos.pt ou 253 811 882.

Imagem: CMB.

Continuar a ler

Atualidade

Anadia: “25 de Abril: Rumo ao Cinquentenário” na Biblioteca Municipal

Publicado

on

A exposição “25 de Abril: Rumo ao Cinquentenário”, após itinerância pelas escolas do concelho de Anadia, encontra-se patente ao público na Biblioteca Municipal até ao próximo dia 28 de setembro.

A mostra, dirigida ao público em geral, é constituída por um conjunto de 11 painéis, complementados por um repositório digital ao qual se acede através da ativação de códigos QR.

Foi concebida com a coordenação científica do Centro de Estudos Interdisciplinares do Século XX (CEIS20), da Universidade de Coimbra, com o design gráfico da licenciatura de Arte e Design da Escola Superior de Educação de Coimbra e com o apoio da Comissão das Comemorações dos 50 Anos da Revolução do 25 de Abril.

Foto: CMA.

Continuar a ler

Atualidade

São João das Lampas recebe mais uma edição das Exposições Caninas

Publicado

on

Sintra recebe a 41 ͣ Exposição Canina Nacional e a 39. ͣ Exposição Canina Internacional, no Largo 9 de Setembro, em São João das Lampas, de 26 a 28 de julho, com entrada livre.

Durante três dias poderá conhecer os melhores exemplares de raças oficialmente reconhecidas que serão avaliados por júris portugueses e internacionais. As exposições contarão, também, com a presença de canicultores oriundos de vários países da Europa.

Realizada desde 1982, a iniciativa conta com várias exposições monográficas e especializadas, cujo teor técnico e qualidade das edições anteriores, as definem já como um marco no domínio da Canicultura.

As Exposições Caninas regidas pelos regulamentos da Fédération Cynologique Internacionale (FCI) e do Clube Português de Canicultura, estão abertas à participação de exemplares de todas as raças e variedades oficialmente reconhecidas, registadas nos Livros de Origens ou com Registos Iniciais emitidos por organismos reconhecidos pela FCI.    

Este evento é organizado pela Comissão de Festas da Vila Velha, com supervisão técnica do Clube Português de Canicultura e conta com o apoio da Câmara Municipal de Sintra, União de Freguesias de Sintra e da União das Freguesias de São João das Lampas e Terrugem.

Foto: DR.

Continuar a ler

Mais lidas