Connect with us

Atualidade

Setor dos eventos já caiu 38% em dezembro com novas restrições anunciadas pelo Governo

Especialistas já não vão conseguir atingir metas financeiras de 2021

Publicado

on

O setor dos eventos está a ser fortemente afetado pelo aumento de casos COVID-19, bem como pelas novas restrições implementadas para este Natal, o que significa que as festas regressam a casa para evitar a propagação do vírus SARS-CoV-2.

A APP Fixando acaba de anunciar, depois de uma análise ao movimento na plataforma entre 25 de novembro e 8 de dezembro junto de 8.750 especialistas, que a procura dos portugueses pelo setor dos eventos já caiu 38% desde o anúncio das medidas de contenção anulando as hipóteses de retoma económica do setor.

“É alarmante a quebra para todo o setor, pois a reação dos portugueses foi imediata”, sublinha Alice Nunes, diretora de Novos Negócios da Fixando.

A empresa, que liga especialistas a clientes que procuram serviços, ainda não consegue projetar quais serão as quebras exatas no volume estimado de negócios deste setor, contudo, mantendo-se esta quebra até ao final do ano, os especialistas não vão conseguir alcançar as metas financeiras para 2021.

Os serviços mais afetados, adianta a Fixando, foram os serviços de aluguer de equipamento para festas (-71%), catering para festas e eventos (-60%), DJ’s (-52%), insufláveis (-51%) e espaços para eventos (-48%).

“Temos ainda a esperança que, caso as medidas e o número de casos não se agravem nas próximas semanas, o mercado se volte a adaptar e a procura estabilize”, estima a mesma responsável.

A empresa alerta ainda que o agravamento da pandemia afetará, de forma igualmente severa, outros setores do mercado terciário e que é necessário que empresas e especialistas continuem a apostar na digitalização e na adaptação dos seus negócios para uma resposta robusta às flutuações na situação pandémica.

Foto: DR.

Atualidade

Universidade do Minho distinguida pela Federação Internacional de Desporto Universitário

Recebeu, ontem, a “Certificação Platina” no Programa Healthy Campus

Publicado

on

A Universidade do Minho (UMinho) recebeu, na passada sexta-feira, em Bruxelas, a “Certificação Platina” no Programa Healthy Campus, atribuído pela Federação Internacional de Desporto Universitário (FISU). A UMinho esteve representada na cerimónia pelo reitor, Rui Vieira de Castro, e pelo administrador dos Serviços de Ação Social, António Paisana.

A UMinho viu validados 92 dos 100 critérios estabelecidos pela FISU nos domínios da Gestão de Campus Saudável, Atividade Física e Desporto, Nutrição, Prevenção de Doenças, Saúde Mental e Social, Comportamentos de Risco, Meio Ambiente, Sustentabilidade e Responsabilidade Social.

FISU Healthy Campus é uma iniciativa que visa reconhecer as instituições de ensino superior que se destaquem pela implementação de programas operacionais nas áreas do desporto e atividade física, que influenciem outros domínios relacionados com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU. O programa também se concentra em critérios como igualdade de género, redução das desigualdades, aumento da inclusão, desenvolvimento comunitário sustentável, ação climática, parcerias e sinergias, entre outros.

A FISU concedeu um selo de certificação a 43 universidades envolvidas no seu programa Healthy Campus, sendo que 18 delas receberam o certificado de nível mais elevado, “Platinum“. Atualmente, o programa Healthy Campus conta com 94 universidades cadastradas no mundo.

Foto: UMinho.

Continuar a ler

Atualidade

Força Aérea Portuguesa organiza exercício multinacional de aeronaves de carga

De 6 a 17 de junho, em Beja

Publicado

on

A Força Aérea Portuguesa organiza, entre os dias 6 e 17 de junho, o exercício multinacional de aeronaves de carga ETAP-T 2022, na Base Aérea N.º 11, em Beja.

A edição deste ano conta com a participação de forças militares de França, Alemanha, Itália, República Checa, Roménia, Reino Unido e Espanha, além da Força Aérea e do Exército Português. O exercício irá decorrer, maioritariamente, na zona centro do País.

Forças militares em ação (Imagem: Frame de vídeo da FAP)

O objetivo deste exercício é aumentar a interoperabilidade das operações, expondo as forças participantes a um ambiente operacional complexo, no qual podem treinar técnicas, táticas e procedimentos, preparando-as para os atuais teatros de conflito e missões de apoio humanitário.

Para mais informações consulte o site dedicado ao exercício em: https://etap-t2022.emfa.pt/.

Imagens: Frames do vídeo teaser da FAP.

Continuar a ler

Atualidade

Município de Lamego promove campanha de adoção animal

“Venha conhecer os patudos que esperam por uma família”, 4 de junho, das 15h00 às 18h00, na Av. Dr. Alfredo de Sousa

Publicado

on

O Município de Lamego e o Abrigo organizam, no próximo dia 4 de junho, uma campanha de adoção de animais de companhia. Neste dia, entre as 15h00 e as 18h00, na Av. Dr. Alfredo de Sousa, a população tem a oportunidade de ter um contacto mais próximo com os animais que se encontram para adoção no Abrigo.

Esta iniciativa pretende, ainda, sensibilizar os lamecenses para questões relacionadas com a adoção responsável, precavendo assim, que os animais sejam abandonados ou devolvidos ao Abrigo, porque adotar deve ser um ato de amor.

Recorde-se que o Plano de Bem-Estar Animal do Município de Lamego, apresentado em fevereiro, prevê um conjunto de iniciativas que darão resposta à crescente preocupação com o tema, à segurança e tranquilidade das populações, e apoiar as famílias mais necessitadas para que possam assegurar os cuidados de saúde aos seus animais de companhia, combater o abandono e promover a adoção responsável.

Neste sentido, a adoção de um animal no Abrigo contempla já a gratuitidade das primeiras vacinas – antirrábica, esgana, adenoviroses tipo 1 e 2, parvovirose e leptospirose -, bem como a colocação de microchip de identificação animal, o registo SIAC, a primeira desparasitação, o boletim de vacinas e a esterilização.

Imagem: CML.

Continuar a ler

Mais lidas