Connect with us

Atualidade

Caldas da Rainha: X Festival da Codorniz no Landal

De 2 a 5 de junho, com gastronomia, artesanato e muita animação na freguesia que é uma das maiores produtoras de aves do País

Publicado

on

Sendo a freguesia caldense Landal responsável por mais de 75 por cento das codornizes consumidas a nível nacional, é também onde se pode degustar esta iguaria de todos os géneros e feitios.

Com inauguração marcada para as 18h30 do dia 2 de junho, este evento promete quatro dias de animação para todos os seus visitantes, tanto para o deleite gastronómico, como para os amantes da música e dança popular. Haverão ranchos, música de acordeão, tunas e bandas, sem esquecer a atuação de uma academia de dança e a garantia de espaço para quem gostar de baile e quiser dar o seu pé de dança.

Ao fim de uma década deste Festival, é altura de conhecer mais acerca dos contornos da sua produção, e, por isso mesmo, no último dia do Festival deste ano, a 5 de junho, pelas 9h30 da manhã, os interessados poderão fazer uma caminhada pela Rota da Codorniz.

Este é um Festival que, anualmente, se reinventa, onde há sempre novas receitas por descobrir: grelhadas ou fritas, mais ou menos condimentadas, descobre-se novos gostos a cada evento. E já que falamos de festival gastronómico, o Pão de ló do Landal e as Peras Bêbadas são prova obrigatória.

A codorniz e o Landal

Muito se tem desenvolvido desde o início da sua exploração no Landal, em 1976, por Manuel Louro Miguel, que, regressado das ex-colónias, se dedicou a este negócio, que viria a assumir grande importância para a economia local.

O Festival nasce em 2011, com vista a ser promoção da produção local, ajudando a conhecer melhor as diferentes formas de cozinhar a codorniz e que, hoje, seja produto habitual nas mesas portuguesas, pois trata-se de um alimento saudável, rico em proteína e aminoácidos essenciais, mas pobre em gorduras, já que, por cada 100 gramas consumidas, contabiliza-se 106 calorias com apenas 1,6 gramas de gordura.

Tal como quem trabalha nesta exploração soube inovar-se nos métodos, também o Festival da Codorniz teve de criar melhorias para melhor receber os milhares de visitantes que todos os anos ali se deslocam, sobretudo na oferta gastronómica, estacionamento disponibilizado, número de tasquinhas e lugares sentados, assim como no programa musical e cultural.

Programa (Imagem: DR)

Imagens: DR.

Atualidade

Força Aérea resgata um casal e um gato ao largo de Porto Santo

Missão realizada em alto mar

Publicado

on

A Força Aérea resgatou, na manhã de 08 de dezembro, duas pessoas e um gato quando se encontravam a bordo de um veleiro a 257 km da ilha do Porto Santo.

O casal navegava em alto mar quando a embarcação ficou sem leme e sem piloto automático. Para a missão foi destacado o helicóptero EH-101 Merlin, da Esquadra 751 – “Pumas”, em alerta permanente naquela ilha do Arquipélago da Madeira.

Com o casal fora da embarcação, também a tripulação de alerta resgatou um gato, o animal de estimação que seguia no veleiro.

Com os três a bordo do helicóptero, o EH-101 Merlin seguiu para Porto Santo, tendo o casal sido encaminhado para a unidade de saúde local.

Foto: Frame do vídeo de resgate.

Continuar a ler

Atualidade

Anadia: Município lança concurso público para construção de 16 habitações em Ancas

Publicado

on

O Município de Anadia aprovou, na sua reunião de executivo, no passado dia 7 de dezembro, a abertura de um concurso público para a construção de 16 fogos, no loteamento da Quinta do Rangel, em Ancas, no âmbito da Estratégia Local de Habitação. A empreitada tem o valor base de 2.189.865,87 euros, acrescido de IVA, com um prazo de execução de 24 meses.

Esta intervenção tem como objetivo a construção de habitações para resolver situações de pessoas e agregados familiares que vivem em condições habitacionais indignas, promovendo, assim, a melhoria da sua qualidade de vida.

Recorde-se que a Estratégia Local de Habitação foi aprovada pela Assembleia Municipal de Anadia, no âmbito da qual se encontram sinalizadas as situações de carência habitacional existentes no seu território e definidas as soluções habitacionais nas quais se devem enquadrar todos os pedidos de apoio ao abrigo do 1º Direito – Programa de Apoio ao Acesso à Habitação que visa apoiar a promoção de soluções habitacionais para pessoas que vivem em condições habitacionais indignas e que não dispõem capacidade financeira para suportar o custo do acesso a uma habitação adequada.

Ainda neste âmbito, foi também assinado um Acordo de Colaboração entre o Instituto da Habitação e da Reabilitação Urbana e o Município de Anadia que define as condições de implementação das soluções habitacionais, a partir do qual foi celebrado um Contrato de Comparticipação com o objetivo de conceder um apoio financeiro não reembolsável destinado a financiar a realização do projeto da construção dos 16 fogos no Loteamento da Quinta do Rangel, em Ancas.

Imagem: DR.

Continuar a ler

Atualidade

BYSTEEL fecha contrato de €7.6M para revestir edifício sustentável no centro de Londres

Edifício Worship Square será bandeira verde em construção e operação, com empresa a reforçar crescimento e presença no Reino Unido

Publicado

on

A bysteel fs, empresa do dstgroup, fechou um contrato de €7.6M para revestir o Worship Square, um dos edifícios comerciais de escritórios mais sustentáveis, inteligentes e saudáveis de Londres, num projeto da promotora HB REAVIS e que reforça a aposta da empresa portuguesa no Reino Unido.

Neste empreendimento, a bysteel fs será responsável pelo envelope arquitetónico completo que inclui mais de 5 mil m² de fachadas e todo revestimento do edifício num personalizado ladrilho terracota, assegurando o posicionamento da empresa na liderança em projetos pioneiros e exigentes.

Localizado no coração do movimentado distrito tecnológico de Londres, o Worship Square estabelecerá um novo referencial de sustentabilidade e será NetZeroCarbon durante todo o seu ciclo de vida, em construção e operação.

“No edifício Worship Square estamos a trabalhar na linha da frente da construção sustentável, desafiando os standards e promovendo soluções mais ambientais. Estamos claramente a trabalhar à frente do tempo atual, com uma exigência e rigor que motiva as nossas equipas e reforça o nosso posicionamento de líder no segmento da construção e arquitetura de alto valor”, revela Rodrigo Araújo, administrador da bysteel.

O Worship Square terá nove andares e um espaço de 140 mil metros2 de espaço de escritórios, com capacidade para criar mil espaços de trabalho. Estabelecerá uma nova referência para espaços de trabalho verdadeiramente sustentáveis, promovendo metas ambientais e de bem-estar.

O empreendimento foi concebido para reduzir o carbono incorporado em mais de 50%, em comparação com as referências atuais do setor, e manterá a neutralidade carbónica também em operação. Estará livre de plásticos de uso único, além de ser totalmente elétrico.

Além disso, o elemento natureza estará sempre presente com a integração no edifício de mais de 3.200 plantas de 49 espécies diferentes num design biofílico que criará um “coração verde” desde a sua entrada.

Os trabalhos da bysteel fs no Worship Square deverão estar terminados em outubro de 2023, estando prevista a conclusão do edifício para o início de 2024.

Este projeto confirma a estratégia de expansão em curso no mercado do Reino Unido: “Queremos desenvolver este mercado, muito particular em Londres, um polo de inovação, graças às grandes movimentações económicas e sociais que concentra. Temos outras obras em curso, como a extensão do prestigiado hotel de 5 estrelas Berkeley Hotel e que já está em fase de montagem avançada. Queremos ser a primeira escolha!”, sublinha Rodrigo Araújo.

Foto: DR.

Continuar a ler

Mais lidas