Connect with us

Atualidade

Algarve assinala Dia da Europa 2022 com conferência-debate sobre alterações climáticas

Publicado

on

Trinta anos após a Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável, no Rio de Janeiro, a Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional (CCDR) do Algarve convidou o Presidente do Conselho Nacional do Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (CNADS), Filipe Duarte Santos, e Luis Filipe Dias, coordenadores do Plano Intermunicipal de Adaptação às Alterações Climáticas (PIAAC – AMAL), António Miguel Pina, Presidente da Comunidade Intermunicipal do Algarve (AMAL), e Pedro Coelho, Diretor Regional da Agência Portuguesa do Ambiente, para assinalarem o Dia da Europa com uma conferência-debate sobre o tema das alterações climáticas.

Moderada pelo jornalista Duarte Baltazar (RTP), a Conferência-Debate decorre no dia 9 de maio, pelas 16h30, no auditório da sede da CCDR Algarve, em Faro, seguindo-se um concerto musical pela União, na portaria do edifício, com a participação da Associação Filarmónica de Faro e do Grupo Coral Ossónoba.

93% dos cidadãos da União Europeia (UE) consideraram, em 2021, as alterações climáticas como um problema grave e 78% consideram-nas um problema muito grave. Segundo o Eurobarómetro, em Portugal, foi identificado como o mais grave problema por um em cada cinco respondentes (ebs_513_fact_pt_en_V3.xls (europa.eu)). Mais de um quarto dos europeus (29%) identificou as alterações climáticas (18%), a deterioração da natureza (7%) ou os problemas de saúde devidos à poluição (4%) como o problema mais grave que enfrentávamos (in Adesão do público à luta contra as alterações climáticas (europa.eu).

De acordo com o Eurobarómetro de fevereiro de 2022, os cidadãos europeus encaram a saúde pública (42%) como uma prioridade política fundamental para o Parlamento Europeu, seguida de imediato pela luta contra a pobreza e a exclusão social (40%) e pela ação contra as alterações climáticas (39%). Destaca-se que a nível da média europeia, os jovens apontam a luta contra as alterações climáticas como principal prioridade para o Parlamento Europeu, conforme ficou evidente no Eurobarómetro: saúde, pobreza e clima como prioridades | Atualidade | Parlamento Europeu (europa.eu)

A Convenção Quadro das Nações Unidas para as Alterações Climáticas, entrou em vigor em 1994, tendo sido proposta no Rio de Janeiro em 1992, na Conferência das Nações Unidas sobre Ambiente e Desenvolvimento Sustentável. Posteriormente, em 1997, foi aprovado o Protocolo de Quioto, que entrou em vigor em 2005, e estabeleceu metas para a mitigação das alterações climática. Mais tarde, em Paris com o Acordo de Paris, que entrou em vigor a 4 de novembro de 2016, reforçou-se a implementação da Convenção, para fortalecer a resposta global à ameaça das alterações climáticas no contexto do desenvolvimento sustentável e dos esforços para a erradicação da pobreza.

Sabemos que, dada a sua posição geográfica, Portugal é um dos países europeus mais vulneráveis aos impactos das alterações climáticas e que a região do Algarve se encontra exposta a um conjunto de vulnerabilidades climáticas, potencialmente agravadas num contexto de alterações climáticas, as quais terão impactos sobre diferentes áreas e setores socioeconómicos da região.

A região do Algarve tem enfrentado situações decorrentes de eventos climáticos relacionados com ondas de calor, incêndios florestais, inundações e cheias rápidas, erosão costeira pelo que a Comunidade Intermunicipal do Algarve promoveu a elaboração do PIAAC – AMAL e no quadro do Plano de Recuperação e Resiliência foi adotada uma medida específica do PRR-Água para a Região do Algarve, com intensa participação da APA, dos Municípios e entidades da Região.

No dia 10 de maio, as comemorações prosseguem em Monchique, realizando-se várias atividades sob o lema “Europa e Juventude: Que futuro?”, envolvendo autarquias locais, comunidade educativa e diversas entidades locais e regionais.

O Dia da Europa 2022 no Algarve é uma iniciativa conjunta da CCDR Algarve, Europe Direct Algarve, Programa Operacional CRESC ALGARVE 2020, em parceria com AMAL, Universidade do Algarve, municípios de Faro e Monchique, Associação Vicentina, Associação Filarmónica de Faro e Grupo Coral Ossónoba.

Imagem: CCDR-A.

Atualidade

Viana do Castelo: Nova subestação de Lanheses abastece cerca de 3.900 clientes residenciais e 25 clientes empresariais

Publicado

on

O Presidente da Câmara Municipal de Viana do Castelo, Luís Nobre, marcou, ontem, presença no momento de entrada em funcionamento da nova subestação de Lanheses e respetivas redes de alta (AT) e média tensão (MT), infraestruturas elétricas que representaram um investimento estimado de 2,4 milhões de euros por parte da E-REDES e que vão abastecer cerca de 3.900 clientes residenciais e 25 clientes empresariais.

A nova subestação localiza-se no Parque Empresarial de Lanheses, beneficiando as empresas aí localizadas. Conta com uma potência instalada inicial de 20 MVA, é acompanhada da construção da rede de AT, que alimentará a subestação e toda a nova rede MT, que vai interligar à já existente.

Para a construção desta subestação e rede de distribuição de eletricidade, para além de toda a estrutura interna envolvida na gestão e concretização deste projeto, a E-REDES contou com o envolvimento de vários parceiros de negócio.

“Estas novas infraestruturas fazem parte da política de investimento e manutenção na rede elétrica, por parte da empresa, tendo como eixos principais a melhoria no abastecimento de energia elétrica e o aumento da resiliência da rede, situando-se a subestação no Parque Empresarial de Lanheses e assumindo, assim, um papel fulcral na garantia do abastecimento e da qualidade de energia às diversas empresas aí localizadas”, sublinha o Município.

Foto: CMVC.

Continuar a ler

Atualidade

Área Metropolitana do Porto: Cinco detenções por crime de violência doméstica

Publicado

on

No período compreendido entre os dias 31 de janeiro e 06 de fevereiro de 2023, a Divisão de Investigação Criminal (DIC) do Comando Metropolitano do Porto da PSP (COMETPOR) efetuou a detenção de 05 homens pela prática do crime de violência doméstica, na área metropolitana do Porto.

Decorrente das detenções e depois de presentes junto das Autoridades Judiciárias, para além das medidas de afastamento, dois dos suspeitos viram ser-lhes aplicada a medida de afastamento e proibição de contacto, com recurso a vigilância eletrónica, enquanto outro dos suspeitos permanecerá em prisão preventiva.

No decurso da atividade desenvolvida foi, ainda, apreendida uma arma branca e 25 munições.

Foto: DR.

Continuar a ler

Atualidade

Póvoa de Varzim e Gaia: Duas detenções por posse e tráfico de drogas

Publicado

on

O Dispositivo da Polícia de Segurança Pública do Comando Metropolitano do Porto, no âmbito do combate ao crime de tráfico de estupefacientes, efetuou a detenção de 02 suspeitos de autoria do referido crime e a apreensão de cerca de 32 doses individuais de Haxixe.

No dia 07 de fevereiro, pelas 10h15, na Avenida Santos Graça – Póvoa de Varzim, deteve 01 homem, de 26 anos de idade, empregado de balcão e residente na Póvoa de Varzim, apreendendo Haxixe suficiente para cerca de 13 doses individuais.

No mesmo dia, pelas 19h00, na Praceta Adolfo Marques – Vila Nova de Gaia, foi detido 01 homem, de 47 anos de idade, desempregado e residente em Vila Nova de Gaia, sendo-lhe apreendida Haxixe suficiente para cerca de 19 doses individuais.

Os detidos vão ser presentes junto das Autoridades Judiciárias.

Foto: DR.

Continuar a ler

Mais lidas